Vendas de automóveis crescem 35,7% em setembro

As vendas de veículos automóveis continuam a crescer em Portugal, embora se mantenham bem longe dos valores históricos do início do século. Em setembro, foram vendidos 11.986 veículos, um aumento de 35,7% face a igual mês do ano passado, sendo que, desde o início do ano, esse número totaliza já 127.020 unidades, uma variação homóloga de 38,4%.Só no que aos veículos ligeiros de passageiros diz respeito, e que correspondem à maior fatia, foram vendidos 9.688 carros em setembro (mais 31,5%) e 107.391 desde o início do ano (um acréscimo de 35,3%). A Renault mantém-se como a marca preferida dos portugueses, seguida da Volkswagen e da Peugeot.

Os dados são da Associação Automóvel de Portugal - ACAP e mostram que é no segmento de comerciais ligeiros que o crescimento nas vendas se revela mais significativo: foram vendidos 1.958 carros em setembro (52,4%) e 17.579 desde janeiro (60,4%).

 

Quantos aos veículos pesados, a situação varia consoante se analisam os números do segmento de mercadorias e do segmento de passageiros, com o primeiro praticamente a duplicar em setembro, num total de 333 unidades vendidas (1.916 desde o início do ano, um aumento de 46,6%), e o segundo a cair 12,5% correspondente à aquisição de 7 carros (134 nos nove meses do ano, uma quebra de 2,2%).

Destaca a ACAP, na ánalise aos dados globais do setor que, "mesmo com a variação positiva de setembro, o mercado continua a manter-se abaixo dos níveis registados em anos anteriores a 2011. Constata-se que o volume de vendas observado no mês de setembro situa-se claramente abaixo da média dos últimos quinze anos" e que é de 17.026 veículos.

Refira-se que, em 2000, as vendas totais do setor automóvel em Portugal foram de 427.232 unidades. Destes, 295.490 foram veículos ligeiros de passageiros.

fonte:http://www.dinheirovivo.pt/e

publicado por adm às 13:09 | comentar | favorito