04
Ago 14

'Saldos' no Benfica fazem mais uma vítima

Sete anos depois de ter chegado à Luz, o melhor marcador estrangeiro na história do Benfica fez as malas para a Turquia por apenas quatro milhões de euros. E consoante o rendimento do avançado paraguaio, o negócio pode chegar aos 5,65 milhões. Um montante que parece, à partida, acessível para o Trabzonspor garantir os serviços do 'matador' das 'águias', que em 295 jogos apontou 172 golos.

"Graças a Deus marquei muitos golos e alcancei muitos títulos para o clube. Na Europa não ganhámos, mas chegámos a finais que todos queriam jogar", afirmou Cardozo à BTV, o canal do clube, na hora da despedida.

"Saio um pouco triste. Vivi aqui muitas coisas lindas, com os meus colegas, presidente, adeptos e com a minha família. E depois Lisboa é uma cidade muito linda, tem um bom clima e adorei as pessoas. E por isso estou triste... Mas a vida é assim e não podemos fazer nada", acrescentou o avançado, de 31 anos, que ainda apontou a mira ao balanço da sua carreira nos 'encarnados'.

"Não esperava ter marcado tantos golos, nem entrar na história do Benfica com tantos recordes", concluiu.

Esta é mais uma saída de peso no plantel dos campeões nacionais, depois das vendas de Garay, Markovic e Oblak e as 'cedências' de Rodrigo e André Gomes.

Leia o comunicado do Benfica sobre a transferência de Cardozo:

"A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, em cumprimento do disposto no artigo 248º do Código dos Valores Mobiliários, informa que chegou a acordo com o Trabzonspor A.S. para a transferência a título definitivo dos direitos desportivos do atleta Óscar Rene Cardozo Marin, pelo montante de € 5.000.000 (cinco milhões de euros). A parcela atribuível à Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, representando 80% dos direitos económicos do referido atleta, ascende a € 4.000.000 (quatro milhões de euros).

Mais se informa que no acordo estão previstos valores adicionais num montante global de € 1.650.000 (um milhão seiscentos e cinquenta mil euros), dependentes da concretização de objectivos desportivos."

 

fonte:http://www.sol.pt/n

publicado por adm às 23:00 | comentar | favorito
tags:
25
Jun 14

Benfica vende Garay ao Zenit de São Petersburgo

O Benfica anunciou hoje que vendeu o futebolista argentino Ezequiel Garay aos russos do Zenit São Petersurburgo, em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

"A Sport Lisboa e Benfica - Futebol, SAD informa que chegou a acordo com o FC Zenit para a transferência a título definitivo dos direitos desportivos e económicos do atleta Ezequiel Garay, pelo montante de seis milhões de euros, cujo contrato de trabalho desportivo terminava a 30 de junho de 2015", pode ler-se na nota enviada pelos "encarnados".

O Benfica contratou o jogador ao Real Madrid a título definitivo em 2011, por quatro épocas, pelo valor de 5,5 milhões de euros, mas ressalvando na ocasião, em comunicado enviado igualmente à CMVM, que os "merengues" teriam direito a receber numa futura transferência 50 por cento do valor da mesma.

 

fonte-,http://www.destak.pt/a

publicado por adm às 20:15 | comentar | favorito
tags:
26
Mai 14

Benfica mantém-se único clube português entre as 50 marcas de futebol mais valiosas

O Benfica é a 38.ª marca mais valiosa em 2014, com um total de 61 milhões de euros, de acordo com o relatório da Brand Finance, empresa inglesa que faz anualmente uma avaliação comercial aos clubes de futebol.

Pelo segundo ano consecutivo, o clube da Luz é o único emblema português que volta a aparecer entre os 50 primeiros deste documento, tendo mesmo subido quatro lugares em comparação com os dados de 2013.

 

O Benfica surge avaliado em 61 milhões de euros e com um rating de AA+. No ano passado, o clube lisboeta, que estava no 42.º lugar, valia 41 milhões de euros e era considerado A+.

 

Na frente continua o Bayern Munique, com uma avaliação de 656 milhões de euros, seguido do Real Madrid, com um valor de 563 milhões de euros. O Manchester United fecha o "pódio", com uma apreciação de 541 milhões.

Num top-10 dominado por emblemas ingleses, o Paris Saint-Germain, que em 2013 estava na 24.ª posição, aparece pela primeira vez nesse grupo, em décimo, com um total de 237 milhões de euros.

fonte:http://www.dinheirovivo.pt/

publicado por adm às 20:20 | comentar | favorito
tags:
24
Abr 14

Lima dá vantagem ao Benfica para Turim

Benfica desloca-se ao terreno da Juventus com vantagem mínima. Garay e Lima fizeram os golos com resposta de Tevez pelo meio.

O Benfica bateu a Juventus por 2-1, em jogo relativo à 1ª mão das meias-finais da Liga Europa, mas a eliminatória está longe de resolvida.

Depois das emoções da celebração do título nacional, sem Fejsa nem Gaitán por problemas físicos, o técnico benfiquista optou por colocar André Gomes ao lado de Enzo Pérez no centro do campo, enquanto Sulejmani ganhava a titularidade sobre a esquerda e Cardozo jogava na dianteira ao lado de Rodrigo. A Juventus apresentou o 3x5x2 habitual, assumindo Tevez e Vucinic os lugares mais adiantados da equipa.

No frio anoitecer lisboeta, em véspera de feriado dedicado à Liberdade, o Benfica não poderia pedir melhor começo, uma vez que, logo aos dois minutos, num pontapé de canto de Sulejmani após excelente iniciativa de Enzo Pérez, a bola chegou à cabeça de Garay e o argentino atirou sem que Buffon conseguisse opor-se.

Com o estádio quase cheio a pulsar de entusiasmo, a equipa de Jesus pressionou ao mesmo tempo que os italianos procuravam reagir. Num veloz contra-ataque conduzido por Lazar Markovic, o compatriota Sulejmani surgiu em boa posição, mas rematou à malha lateral.

A meio do primeiro tempo, mesmo errando passes na organização do ataque, a formação de Turim já rondava a baliza de Artur e Tevez era o mais empenhado em criar desequilíbrios com André Gomes a revelar algumas dificuldades face à exuberância física de Pogba. Numa interrupção de jogo para assistência a Chiellini, os jogadores da Juventus receberam instruções de Antonio Conte e Pirlo conversou com Vucinic, tentando acertar combinações.

De modo menos vincado do que nos primeiros minutos, a equipa da Luz mantinha o domínio e, a cinco minutos do intervalo, Markovic rompeu pela direita, concluindo sem pontaria. Depois de acumular faltas, Pogba viu, enfim, o cartão amarelo por derrubar Siqueira e a pausa chegou sob o signo da superioridade benfiquista. Durante o intervalo, o público aplaudiu a homenagem à equipa de Sub-19 que perdeu a final da UEFA Youth League com o Barcelona.
Na segunda parte, os bicampeões italianos surgiram com maior desenvoltura, procurando o empate. Do lado oposto, o campeão nacional "italianizava-se" no sentido de conferir ainda maior atenção à segurança e organização, mas Pogba forçou Artur a óptima intervenção (55 m) e, logo a seguir, o árbitro turco Cüneyt Cakir negou penalty numa queda de Enzo Pérez na área.

Com meia hora para jogar, Jesus agiu, trocando Sulejmani por André Almeida (este posicionou-se no meio, passando André Gomes para a esquerda) e, pouco depois, Cardozo (muito aplaudido) por Lima. Conte ripostou com a mudança entre Vucinic e Giovinco para tornar mais ágil o sector atacante.

A Juventus mostrava-se mais ameaçadora, embora continuasse a cometer erros nos passes até que Asamoah se libertou do lado esquerdo após solicitação de Pirlo, entrou na área, colocou em Tevez e este, frio na magnífica simulação e no remate, igualou (72 m).

Cantaram os poucos adeptos italianos, o Benfica oscilou e a Juventus ganhou o conforto que lhe fizera falta, entrando por momentos no território que mais lhe interessava: o do férreo controlo para subsequente contra-ataque. A oito minutos do final, André Gomes deu lugar a Cavaleiro, Tevez foi rendido por Osvaldo e, num excelente lance de envolvimento, Lima desferiu forte pontapé para o 2-1, reavivando as bancadas que explodiram de alegria (83 m). Mais tarde, a passe de Lima, foi Markovic quem rematou rasteiro com perigo.

Marchisio ainda forçou Artur a boa intervenção, mas o triunfo já não escapou aos anfitriões. 
A 2ª mão realiza-se no Estádio da Juventus em Turim - cenário da final a 14 de Maio - na próxima quinta-feira, dia 1 de Maio.

fonte:http://economico.sapo.pt/

publicado por adm às 23:54 | comentar | favorito
13
Abr 14

Filas e muita polémica na venda de bilhetes do Benfica-Olhanense

O facto de esse poder ser o "jogo do título", caso o Benfica vença hoje o Arouca e, na próxima semana, o Olhanense, está a levar a uma verdadeira corrida aos bilhetes. Para além das longas filas na bilheteira do Estádio da Luz, está também a haver polémica e muitos protestos, devido ao "racionamento" de bilhetes.

De hoje a terça-feira, só há bilhetes para sócios, e cada sócio só pode comprar um bilhete e de forma presencial (ou seja, não pode dar o cartão de sócio a alguém para ir à bilheteira). Para além disso, o Benfica não está a permitir que os associados que pagam as quotas por débito directo possam utilizar os bilhetes grátis que ainda têm direito, e que são válidos em todos os jogos menos na última jornada e nos jogos com o Sporting e o FC Porto. Ou seja, apesar de tecnicamente as regras permitirem a utilização desses bilhetes grátis - esta é a penúltima jornada na Luz e não a última - a direcção do Benfica terá decidido não permitir essa possibilidade, de acordo com esclarecimentos dados na própria bilheteira.

Em resultado disto, várias dezenas de pessoas pediram o livro de reclamações, com o ambiente a aquecer devido aos protestos.
Sobrando bilhetes desta primeira fase, a venda é alargada na quarta-feira a sócios das Casas do Benfica, e só a partir de quinta-feira haverá venda ao público em geral, caso sobrem ingressos.

fonte:http://economico.sapo.pt/n

publicado por adm às 21:11 | comentar | favorito

Benfica à beira do título

O Benfica derrotou o Arouca por 2-0 em jogo relativo à 27ª jornada da Liga Zon Sagres. Com este resultado, a equipa da Luz fica a uma vitória da conquista do 33º título no campeonato.

A jogar num Estádio de Aveiro com esmagadora maioria de público benfiquista, o Benfica apresentou-se sem Luisão e Fejsa, ocupando Jardel e André Almeida essas vagas. O começo dos líderes da Liga não foi tão dinâmico como é habitual e o Arouca tirou partido para ir colocando dificuldades.

Mesmo assim, Rodrigo testou Cássio logo nos primeiros minutos, mas Bruno Amaro também forçou Oblak a intervenção difícil num livre. A meio do primeiro tempo, Maxi Pereira espreitou o golo, mais tarde foi Lima quem não superou Cássio e Rodrigo, na recarga, atirou para fora. Bem organizada, a equipa de Pedro Emanuel não deixou de ripostar e, a sete minutos do intervalo, após saída de Oblak ao limite da grande área, um chapéu largo de Bruno Amaro só não resultou em golo por causa de um espectacular corte de carrinho efectuado por Maxi Pereira.

E, quando já se jogavam dois minutos de compensação, Lima centrou da direita, Cássio não interceptou, Baliu também não, surgindo Rodrigo na pequena área a tocar com o pé esquerdo para a vantagem lisboeta. Na celebração, o avançado correu para o banco e foi buscar uma camisola de Sílvio para dedicar o golo ao lateral, operado após fractura da perna direita.

Na segunda parte, os visitantes não tardaram a ampliar a vantagem, depois de Markovic serpentear pelo meio da defesa, tocar para Gaitán e este, à saída de Cássio, picou de modo sobre o guardião com o pé esquerdo (54 m). Logo a seguir, com idênticos protagonistas, o remate rasteiro do argentino foi detido pelo guarda-redes. Como reacção, Pedro Emanuel trocou Ceballos por Serginho, embora sem resultados práticos, pois o adversário continuou a dominar sem restrições.

Aos 65 minutos, na sequência de um livre, Oblak voou para socar a bola, chocou de forma violenta com Roberto e, mesmo após receber assistência, saiu atordoado, rendido por Artur ao mesmo tempo que Lassad substituía Bruno Amaro. Pouco depois, Rodrigo tocou para Maxi Pereira no interior da área, este passou a Gaitán, o sul-americano rodou e atirou com o pé esquerdo, mas Cássio desviou para canto.

À entrada para o último quarto-de-hora, Roberto foi trocado por André Claro e Salvio rendeu Rodrigo que saiu sob fortes aplausos. A 10 minutos do fim, Markovic deu lugar a Cardozo e o Benfica passou a gerir a bola sem dificuldades, ficando Lima perto do 3-0 num remate de fora da área que Cássio repeliu.

Outros resultados: Sporting-Gil Vicente, 2-0; Nacional-Marítimo, 2-0; Rio Ave-Olhanense, 1-2; Belenenses-Guimarães, 3-1 e Académica-Setúbal, 1-1. O Braga-Porto inicia-se dentro de momentos e amanhã joga-se o Estoril-P. Ferreira (20h00). A próxima ronda engloba os seguintes encontros: Guimarães-Arouca (20h00, sexta-feira); Marítimo-Académica e P. Ferreira-Nacional (ambos às 16h00), Gil Vicente-Estoril (17h00) e Belenenses-Sporting (19h15, todos no sábado); Benfica-Olhanense (18h00, domingo); Setúbal-Braga (18h00) e Porto-Rio Ave (20h00), ambos na segunda-feira.

 

fonte:http://economico.sapo.pt/n

publicado por adm às 21:09 | comentar | favorito
10
Abr 14

Benfica em frente, FC Porto fica pelo caminho

Benfica e FC Porto traziam dos jogos da primeira-mão dos quartos de final da Liga Europa vantagens curtas (1-0). Porém os encarnados conseguiram segurá-la ao vencerem, no Estádio da Luz o AZ Alkmaar por 2-0, ao passo que o FC Porto foi surpreendido em Sevilha ao perder por 4-1.

Rodrigo marcou aos 39 minutos e repetiu a dose aos 72, fechando o resultado do jogo em 2-0 no Estádio da Luz diante do Az Alkmaar.

Já o FC Porto foi vítima de uma meia hora infernal do Sevilha que culminou com três golos de rajada. Primeiro foi Rakitic (5’), numa grande penalidade duvidosa, depois Vitolo (26’) e Bacca (29’). Na segunda parte, o peso do resultado aumentou com um golo de Kevin Gameiro (79'). Quaresma diminiu a desvantagem para lá do minuto 90.

Esta sexta-feira, os encarnados conhecerão o seu adversário das meias-finais da Liga Europa, a partir do meio dia, hora em que tem início o sorteio da competição em Nyon, Suíça.

fonte:http://desporto.sapo.pt/fu

publicado por adm às 22:19 | comentar | favorito
03
Abr 14

Benfica recebe 33,3 milhões por Rodrigo e André Gomes

A SAD benfiquista esclareceu, através de comunicado enviado à CMVM, que a alienação dos direitos económicos de Rodrigo e André Gomes por um total de 45 milhões vai render 33,3 milhões de euros à entidade da Luz, tendo em conta que 24% do passe do primeiro e 30% em relação ao segundo integravam a carteira do Benfica Stars Fund.

Assim, num esclarecimento ao comunicado divulgado a 31 de Janeiro último, a sociedade benfiquista refere que, "mediante o acordo prévio com os detentores dos direitos económicos" referidos, alienou à Meriton Capital Limited "por 30 milhões de euros" em relação a Rodrigo e por "15 milhões", no caso de André Gomes, os 100% dos direitos económicos.

Daqui resulta que "as parcelas atribuíveis à SAD" - 76% no caso de Rodrigo e 70% na situação do médio - "ascendem a 22,8 milhões e 10,5 milhões de euros", respectivamente, perfazendo os mencionados 33,3 milhões.

As acções do Benfica fecharam hoje a subir 1,75% para os 2,9 euros, acumulando uma valorização desde o início do ano de 245%.

 fonte:http://economico.sapo.pt/n

publicado por adm às 21:03 | comentar | favorito
tags:
30
Mar 14

Benfica mais perto do título

O Benfica voltou a repor a distância de sete pontos para o Sporting, 2.º classificado da Liga portuguesa, ao bater hoje o Sporting de Braga, com um golo de Lima.

Em Braga, o Benfica entrou a todo o gás e chegou à vantagem logo aos 13 minutos, através de uma jogada individual de Rodrigo pela esquerda, com o avançado espanhol a oferecer o golo a Lima.

Com o decorrer dos minutos, o Benfica ficou mais amorfo, mas poderia ter sentenciado a partida já perto do final, quando Rodrigo foi rasteirado dentro da área do Sporting de Braga. Contudo, foi o próprio Rodrigo a falhar o penálti que poderia ter ditado o 2-0.

Quando faltam cinco jogos para o final do campeonato, o Benfica permanece líder isolado, com 64 pontos, tendo na perseguição o Sporting, com 57 pontos, e o FC Porto, com 49 pontos e menos um jogo, que será disputado hoje na Madeira, perante o Nacional.



fonte: http://expresso.sapo.pt

publicado por adm às 20:29 | comentar | favorito
23
Mar 14

Benfica vence Académica e mantém Sporting à distância na I Liga

O Benfica, líder da I Liga de futebol, derrotou hoje em casa a Académica, por 3-0, e manteve a vantagem de sete pontos sobre o Sporting, segundo classificado, à passagem da 24.ª jornada.

No Estádio da Luz, em Lisboa, a três dias da visita ao FC Porto na primeira mão da meia-final da Taça de Portugal, o Benfica alcançou a sétima vitória seguida no campeonato, com um "bis" do brasileiro Lima (11 e 28 minutos) - melhor marcador dos "encarnados" com 11 golos - e um golo do argentino Enzo Pérez (59).

A equipa de Jorge Jesus soma agora 61 pontos, contra 54 do Sporting, que na véspera venceu no terreno do Marítimo (3-1), enquanto o FC Porto segue em terceiro, com 46, mas joga ainda hoje com o Belenenses. A Académica, que vinha de cinco jogos sem perder, mantém o 10.º posto, com 29 pontos.

fonte:http://www.destak.pt/

publicado por adm às 20:47 | comentar | favorito