Pingo Doce poupa cinco milhões com restrições a cartões bancários

O grupo Jerónimo Martins poupou cinco milhões de euros com as restrições a cartões bancários em compras inferiores a 20 euros, nos supermercados Pingo Doce. Os resultados da medida aplicada desde setembro de 2012 vieram confirmar as previsões de poupança da empresa, que esperava na altura “uma poupança anual de mais de cinco milhões de euros”.

Pedro Soares dos Santos, presidente executivo da Jerónimo Martins, explicou que a restrição aos cartões bancários tornou a empresa “mais competitiva”, avança o 'Público'. No ano passado a Jerónimo Martins conseguiu um resultado líquido de 382 milhões de euros, um crescimento de 6% e vendas de 11,8 milhões de euros, resultados 10,7% superiores aos registados em 2012.

 

O grupo Jerónimo Martins  vai avaliar, na próxima reunião de abril, a atribuição de um prémio de 375 euros aos funcionários que trabalhem a tempo inteiro. Em 2013 o prémio foi de 350 euros.

fonte:http://www.cmjornal.xl.pt/no

publicado por adm às 21:02 | comentar | favorito