O PS lidera a intenção de voto nas eleições legislativas de 2015 no barómetro da Aximage deste mês de Maio

Os socialistas, de acordo com esta sondagem, recolhem a preferência de 36,2% os inquiridos, enquanto o PSD se fica pelos 30,5%. A terceira força política que obtém maior intenção de voto é a CDU, 10,5%. Seguem-se o CDS/PP e o Bloco de Esquerda (BE), com 6,8% e 6,6%, respectivamente. A abstenção situar-se-ia nos 43,4%.

O barómetro de Maio da Aximage, realizado para o Negócios e para o 'Correio da Manhã', e revela oscilações mínimas face ao de Abril. O PSD desce de 31,5% para 30,5%, enquanto a subida de PS é de apenas uma décima, de 36,1% em Abril para 36,2% em Maio. A variação mais acentuada na intenção voto regista-se na CDU que desce de 11,8% para 10,5%. Em sentido inverso, o CDS/PP sobe de 6,1% para 6,8% e o BE de 6,4% para 6,6%. A taxa de abstenção manteve-se inalterada.

Comparando os resultados obtidos em Maio de 2013 neste barómetro com os registados em Maio deste ano, constata-se que tanto o PS como PSD estão melhores. Em Maio do ano passado a intenção de voto nos sociais-democratas fixava-se em 26,2% e dos socialistas estava situada nos 33,5%.

Governação pior do que se esperava

Pedro Passos Coelho está a governar pior do que se esperava. Esta é a opinião expressa por 58,5% dos inquiridos na sondagem Aximage – barómetro eleitoral de Maio de 2014. Já 32,5% são de opinião que a governação do primeiro-ministro é igual ao que se esperava, enquanto para 8,8% está melhor do que se esperava.

 

Jerónimo de Sousa é o melhor líder

Jerónimo de Sousa é o líder partidário com melhor avaliação nesta sondagem. O secretário-geral do PCP é classificado como 11,3 valores numa escala de 0 a 20. Além de Jerónimo de Sousa, só a dupla Catarina Martins/João Semedo, líderes do Bloco de Esquerda, conseguem também uma avaliação positiva, com uma nota de 10,2.

Os restantes líderes têm todos nota negativa no barómetro da Aximage de Maio de 2014: António José Seguro (PS), 8,6, Paulo Portas (CDS/PP) 7,5, e Pedro Passos Coelho (PSD) 6,0.

Ao nível da confiança para primeiro-ministro, 37,8% inclinam-se a favor de António José Seguro, enquanto 33,7% preferem Pedro Passos Coelho. Já 27,8 não tem confiança em nenhum dos dois. 

Só Assunção Cristas escapa à negativa

Na avaliação à actuação mensal de cada ministro, apenas a ministra da Agricultura escapa de uma nota negativa. Numa apreciação de 0 a 20, Assunção Cristas tem uma nota de 10,6. O segundo melhor ministro, já com uma nota negativa de 8,9 é Moreira da Silva que lidera a pasta do Ambiente.

Os três ministros com piores notas são Miguel Poiares Maduro (ministro Adjunto), 6,9, Pedro Mota Soares (ministro da Solidariedade) 6,7 e Nuno Crato (ministro da Educação) está no fim da lista com 6,2.

Cavaco Silva está mal

 

 

Na opinião de 56,5% dos inquiridos no barómetro mensal da Aximagem, Cavaco Silva tem actuado mal nos últimos 30 dias. Em contrapartida, 31,3% considera que o Presidente da República tem actuado bem e 8,2% avaliam o desempenho do chefe de Estado como asssim-assim. De 0 a 20, Cavaco Silva obtém neste mês de Maio uma nota negativa de 7,6.

FICHA TÉCNICA

Universo: indivíduos inscritos nos cadernos eleitorais em Portugal com telefone fixo no lar ou possuidor de telemóvel.

Amostra: aleatória e estratificada (região, habitat, sexo, idade, escolaridade, actividade e voto legislativo) e representativa do universo e foi extraída de um sub-universo obtido de forma idêntica. A amostra teve 605 entrevistas efectivas: 257 a homens e 348 a mulheres; 123 no interior, 262 no litoral norte e 220 no litoral centro sul; 148 em aldeias, 212 em vilas e 245 em cidades. A proporcionalidade pelas variáveis de estratificação é obtida após reequilibragem amostral.

Técnica: Entrevista telefónica por C.A.T.I., tendo o trabalho de campo decorrido nos dias 2 a 5 de Maio de 2014, com uma taxa de resposta de 81,9%.

Erro probabilístico: Para o total de uma amostra aleatória simples com 605 entrevistas, o desvio padrão máximo de uma proporção é 0,020 (ou seja, uma “margem de erro” - a 95% - de 4,00%).

Responsabilidade do estudo: Aximage Comunicação e Imagem Lda., sob a direcção técnica de Jorge de Sá e de João Queiroz.
fonte:http://www.sabado.pt/
publicado por adm às 20:47 | comentar | favorito