CTT vai emitir cartões de crédito a partir deste Verão

Novo produto avança independentemente da criação do banco postal.

Os CTT prevêem iniciar a emissão de cartões de crédito a partir do próximo Verão.

"Existem produtos que podem ser oferecidos pelos CTT sem a necessidade de criar o banco [postal], como é o caso da actividade de intermediação de crédito ao consumo/cartões de crédito, prevista para começar no Verão de 2014", revela o comunicado dos CTT referente aos resultados do exercício de 2013, hoje enviado à CMVM - Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

Quanto ao banco postal, a administração liderada por Francisco Lacerda relembra que a empresa tem 12 meses para decidir prosseguir com a concretização desse projecto, a partir da autorização concedida pelo Banco de Portugal, a 27 de Novembro do ano passado.

"Este prazo, mediante solicitação, poderá ser prorrogado por mais doze meses. Esta opção poderá ser avaliada em 2014 no âmbito das iniciativas previstas para a expansão dos serviços financeiros dos CTT", adianta o mesmo comunicado.

Em 2013, os serviços financeiros renderam 60,9 milhões de euros aos CTT. "Os rendimentos registaram no último trimestre do ano um crescimento de 19,1% relativamente ao período homólogo do ano anterior, evidenciando uma clara aceleração do ritmo de crescimento dos rendimentos devido à renegociação dos acordos com os parceiros com impacto total neste trimestre e ao forte crescimento da colocação de produtos de poupança", explica a administração dos CTT no referido documento.

A área de poupança e seguros foi a grande responsável por este resultado positivo, devido ao forte crescimento verificado nos seguros de capitalização (52% nos valores colocados e 56% na receita) e nos títulos de dívida pública (340% nos valores colocados e 199% na receita).

Também o pagamento de impostos registou uma subida de 7,6% nas transacções face a 2012, um crescimento que não se verificava desde 2006.

 

 fonte:http://economico.sapo.pt/

publicado por adm às 22:54 | comentar | favorito
tags: