Açores: Sindicato contesta vencimento de engenheiro contratado pelo governo regional

O Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado (STE) quer "explicações" do Governo dos Açores relativamente à contratação de um engenheiro civil pela Direção Regional de Solidariedade e Segurança Social com um vencimento que pode ultrapassar 70 mil euros anuais.

Para o STE, a retribuição paga pela Direcção Regional da Solidariedade e Segurança Social, que se pode atingir um vencimento anual de 70,2 mil euros, corresponde ao dobro do salário dos outros engenheiros civis seniores que trabalham neste departamento.

Nesse sentido, o sindicato salienta em comunicado que se trata de uma situação "que contraria o sentido da crise e da legitimidade do pedido de tantos sacrifícios".

fonte:Lusa

publicado por adm às 21:52 | comentar | favorito
tags: