Circular de bicicleta em cima do passeio ou contra-mão vai dar multa

O presidente da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária defende que os ciclistas devem adotar "comportamentos mais disciplinados" devido às novas regras de circulação de bicicletas, que passam a ser equiparadas aos veículos motorizados.

 

"O comportamento dos ciclistas na utilização da via tem que ser mais disciplinado", diz o presidente da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), Jorge Jacob, em entrevista à agência Lusa a propósito das alterações ao Código da Estrada que entram em vigor na quarta-feira, 1 de janeiro.

Para o presidente da ANSR, a alteração "mais significativa" e que pode ter "no imediato mais impacto" é a que vai afetar os ciclistas, que passam a ter novas regras de circulação e direitos reforçados ao serem equiparados aos veículos motorizados.

Por isso, admite que se venha a tornar obrigatório os ciclistas fazerem um seguro de responsabilidade civil contra terceiros, como os automobilistas, possibilidade que será discutida nos próximos tempos.

"À medida que eles começarem a usar destes direitos e a usufruir da sua nova situação, nos próximos tempos vai haver uma discussão sobre isso e vai chegar-se à conclusão que é bom ou aconselhável que eles tenham seguro", afirma.

Avançando com algumas das alterações, Jorge Jacob adianta que os ciclistas vão ter direito de passagem nos casos em que têm prioridade, vão poder circular a paresnão vão poder andar nos passeios nem em contramão, além de terem que cumprir as regras de atravessamento.

"Os ciclistas vão passar a ter comportamentos mais disciplinados, eles não vão poder circular em contra-sentido e por cima dos passeios, como têm feito até agora", diz, salientando que vão passar a ser multados caso não cumpram as regras.

O mesmo responsável acrescenta que atualmente o "mau comportamento" dos ciclistas já é sancionado, no entanto, "havia uma certa complacência", porque eram considerados "um ator menor em termos de circulação rodoviária".

Nos próximos tempos, a ANSR vai realizar, juntamente com as forças de segurança, ações de fiscalização e de informação junto dos ciclistas.

Segundo Jorge Jacob, as operações vão ser, numa primeira fase, numa perspetiva pedagógica para dar a conhecer as novas regras. A ANSR está também a preparar um guia do utilizador das duas rodas.

fonte:_http://www.jn.pt/

publicado por adm às 12:47 | comentar | favorito