Douro cada vez mais procurado para a passagem de ano

O Douro está a afirmar-se como um destino turístico para a passagem de ano, com propostas para todos os preços, seja em festas de rua gratuitas, em barcos-hotel, unidades de enoturismo ou hotéis de luxo.

"Estou convencido que este réveillon no Douro vai ser dos melhores dos últimos anos", afirmou hoje à agência Lusa José António Fernandes, presidente da Associação de Empresários de Hotelaria e Turismo do Douro (HTDouro).

O responsável garantiu que o Património Mundial da Humanidade é "cada vez mais procurado para a passagem de ano", numa tendência que contraria a época baixa e de menor procura que se verifica no inverno.

O turismo no Douro é ainda muito sazonal, com uma época alta no verão que se prolonga até às vindimas mas, depois, esvazia-se novamente de visitantes.

No entanto, localmente os empresários estão a organizar-se e criar programas que atraem cada vez mais turistas para o final do ano e, segundo o responsável, numa faixa etária cada vez mais jovem também.

A oferta é variada, para todos as carteiras e vai desde as viagens nos barcos-hotel que cruzam o rio que dá nome ao território, aos hotéis de luxo que preparam jantares com cinco pratos, uma grande variedade e vinhos e até SPA e massagens, às casas de animação noturna, como bares e discotecas, ou às festas de rua.

No entanto, para José António Fernandes, em 2013 a "grande dinâmica" vem das quintas de enoturismo.

"Há muitas quintas que fazem o réveillon, que têm reservas de grupos brasileiros ou holandeses e que vão fazer jantar e animação, mas com um programa mais vasto que inclui provas de vinhos, visitas às adegas ou a museus", salientou.

O responsável frisou que algumas quintas do Douro estão com uma "procura enorme para o final do ano", verificando-se, segundo garantiu, "que há uma procura acentuada em relação a anos anteriores".

A HTDouro possui 486 associados espalhados pelos 23 concelhos da NUT III Douro.

Já em Vila Real, a festa de passagem de ano regressa à rua, numa organização da autarquia local.

"Tentaremos criar animação para que juntos passemos melhor o ano. Esse é o nosso objetivo", afirmou o presidente da câmara, Rui Santos.

A festa decorrerá na praça do município e, segundo o autarca, será animada com música, aquecida com uma fogueira, retomando a tradição do "Madeiro de Ano Novo", e regada com espumante local.

Esta pretende também ser uma ajuda para as famílias que, nesta época de crise, não têm dinheiro para gastar.

O município garante que não quer fazer concorrência à iniciativa privada, mas aposta no lema "2014: Juntos passamos melhor".

 

fonte:http://www.jn.pt/P

publicado por adm às 16:10 | comentar | favorito