Taxas moderadoras nos centros de saúde não aumentam

Para urgências, consultas e exames em hospitais, as taxas moderadoras deverão ser actualizadas à taxa de inflação, que será de 1%, tal como estabelece a legislação que prevê esta actualização automática.

As taxas moderadoras nas consultas dos centros de saúde vão manter o mesmo valor no próximo ano, segundo a proposta de Orçamento do Estado para 2014, o que não reflecte a actualização anual em relação à taxa de inflação.  
  
A proposta de lei do Orçamento do Estado para 2014, entregue esta terça-feira no Parlamento, indica que não haverá actualização anual das taxas moderadoras nas consultas de medicina geral e familiar nos centros de saúde, nem para as consultas de enfermagem, domiciliárias ou sem a presença do utente no âmbito dos cuidados primários.  
  
Este ano as taxas moderadoras já se mantiveram sem alteração em muitos serviços das unidades de cuidados de saúde primários.  
  
Para urgências, consultas e exames em hospitais, as taxas moderadoras deverão ser actualizadas à taxa de inflação, que será de 1%, tal como estabelece a legislação que prevê esta actualização automática.

fonte:http://rr.sapo.pt/inf

publicado por adm às 22:41 | comentar | favorito