Mira Amaral defende cortes nos salários ou aumento horários

Cortes nos salários ou aumento dos horários de trabalho foram soluções hoje apontadas por Mira Amaral para aumentar a competitividade da economia portuguesa, que negou que a saída da zona euro seja uma solução para Portugal.

 

 

«Em vez de sair do euro, que não seria uma solução mas um grave desastre, acho que de mais bom senso seria uma redução parcial dos salários nominais ou um aumento dos horários de trabalho», afirmou o antigo ministro da Indústria e da Energia de Cavaco Silva, acrescentando que uma «redução da Taxa Social Única» paga pelas empresas também teria os mesmos efeitos.

 

Já a saída de Portugal da União Económica e Monetária (UEM) não é solução para Mira Amaral já que implicaria uma desvalorização de «40 ou 50 por cento da moeda» e, logo, uma diminuição dos salários reais na mesma proporção.

fonte:Diário Digital / Lusa 

publicado por adm às 23:23 | comentar | favorito