Benfica triunfa nos Barreiros e dá passo rumo ao título

O Benfica deu um importante passo rumo ao título ao vencer no reduto de Marítimo por 1-2. Com este triunfo, os encarnados mantiveram quatro pontos de avanço sobre o FC Porto.


O Benfica manteve, esta segunda-feira, quatro pontos de vantagem sobre o FC Porto no campeonato, ao vencer por 1-2 no terreno do Marítimo.

No jogo que fechou a jornada 27 da Liga, a equipa encarnada colocou-se na frente do marcador com um tento de Lima na conversão de uma grande penalidade após derrube de Márcio Rozário ao avançado brasileiro do Benfica.

 

A formação madeirense não demorou a responder e três minutos depois do golo encarnado, Márcio Rozário, na sequência de um livre direto, atirou ao poste da baliza de Artur.

Os insulares pressionaram o Benfica e, aos 30 minutos, poderiam ter chegado ao golo, mas ninguém emendou o centro do cabo-verdiano Heldon.

Dois minutos depois, o sul-coreano Suk criou mais uma situação de perigo junto à baliza de Artur, mas Luís Olim não conseguiu desfeitear o guardião encarnado.

A pressão dos madeirenses deu resultado aos 42 minutos, quando Igor Rossi cabeceou com sucesso para a baliza encarnada e empatou a partida.

No segundo tempo, o Benfica surgiu bem melhor e, aos 53 minutos, poderia ter chegado ao golo, mas o remate de Lima acabou no poste da baliza de Salin.

No minuto imediatamente a seguir, o brasileiro voltou a atirar ao poste, agora após cruzamento de Ola John, desperdiçando mais uma excelente oportunidade para colocar os encarnados na frente.

A 18 minutos do final, os encarnados colocaram-se na frente do marcador, após um cruzamento de Salvio, que Igor Rossi, que tinha marcado o golo do empate, desviou para a sua baliza.

A resposta madeirense surgiu aos 86 minutos, mas Fidélis apenas conseguiu obrigar Artur a uma boa defesa.

A três jogos do final do campeonato, o Benfica lidera com 73 pontos, mais quatro que o FC Porto, que se mantém na segunda posição.

Sob a arbitragem de Manuel Mota, de Braga, no Estádio dos Barreiros, com a assistência de cerca de cinco mil espectadores, as equipas alinharam da seguinte forma:

Marítimo: Salin, Briguel, Igor Rossi, Márcio Rozário, Luís Olim, Marakis (David Simão, 73), Rafael Miranda, Artur (Fidélis, 82), Sami, Heldon (Danilo Dias, 79) e Suk.

Suplentes: Welligton, João Diogo, Fidelis, Rúben Brígido, Danilo Dias, João Guilherme e David Simão.

Benfica: Artur Moraes, Maxi Pereira, Luisão, Garay, André Almeida, Matic, Enzo Perez, Salvio, Ola John (Cardozo, 60), Rodrigo (Carlos Martins, 76) e Lima (Roderick, 89).

Suplentes: Paulo Lopes, Roderick, Cardozo, Pablo Aimar, Carlos Martins, Urreta e Melgarejo.

Ação disciplinar: cartão amarelo para Márcio Rozário (04), Igor Rossi (21), Artur (27), Garay (44), Luisão (68) e Cardozo (90+1).

fonte:http://www.tsf.pt/


publicado por adm às 23:31 | favorito