Asteroide de 45 metros de diâmetro "roçou" a Terra

Um asteroide de 45 metros de diâmetro - vigiado pela NASA - "roçou" a Terra esta sexta-feira sem fazer estragos, contrariamente ao meteorito que, no mesmo dia, caiu na Rússia e fez mais de 900 feridos

Com um peso aproximado de 135 mil toneladas e batizado como "2012 DA 14", o asteroide - que é um corpo do sistema solar composto por rocha, metais e vidro - passou a cerca de 27 mil quilómetros da Terra cerca das 19,25 horas TMG, indicou a agência espacial americana (NASA).

As imagens captadas por um telescópio e difundidas pela NASA mostraram um traço minúsculo branco deslocando-se no céu negro.

Tratou-se do maior asteroide a passar tão perto da Terra alguma vez detetado pelos cientistas, segundo revelou a NASA.

Se o asteroide tivesse colidido com a Terra, poderia ter destruído um grande aglomerado populacional.

Portanto, a sua passagem próximo da Terra, a uma distância inferior à de alguns satélites, não está relacionada com a queda de pedaços do meteorito na Rússia.

De acordo com Samuel Kounaves, professor do Laboratório de Física Aplicada da Universidade Johns Hopkins (no estado norte-americanos de Maryland), "não há conexão" entre os dois acontecimentos.

Os meteoritos, que são pedaços de asteroides, "caem na terra com frequência", recordou M. Kounaves, questionado à margem da conferência anual da Sociedade Americana para o Desenvolvimento Científico, reunida em Boston, nos EUA, até dia 18.

fonte:http://www.jn.pt/P

publicado por adm às 22:51 | comentar | favorito