António Costa afasta candidatura à liderança do PS

O presidente da Câmara de Lisboa elogiou, este domingo, o secretário-geral do PS pela solução de entendimento que apresentou e frisou que no atual contexto não faz qualquer sentido uma candidatura alternativa sua à liderança do partido.

 

"Dou os meus parabéns ao secretário-geral" do PS, António José Seguro, e "neste contexto não faz qualquer sentido uma minha candidatura" à liderança, afirmou António Costa aos jornalistas no final da reunião da Comissão Nacional deste partido.

Nas suas declarações, António Costa afirmou que estará "empenhado na execução da estratégia" do PS nos próximos anos, trabalhando para que o seu partido tenha o melhor resultado possível nas eleições autárquicas, europeias e legislativas.

"Sou militante do PS desde os 14 anos e não me lembro de nenhum momento em que não tenha estado totalmente empenhado", disse, antes de comentar as sondagens que o davam como o melhor líder para os socialistas.

"Vi essas sondagens com simpatia, mas o que está em causa é uma unidade construída em torno da estratégia do PS. Acho que a estratégia saiu mais clara, mais fortalecida e pode ser um ponto de viragem - espero que o seja", frisou.

António Costa defendeu depois que o PS deve estar concentrado no que é essencial: "É preciso responder à crise, estabilizar a economia, haver concertação social e renegociação do programa de ajustamento".

"Essas são as prioridades das prioridades. Tudo requer trabalho e esforço e, felizmente, acho que o trabalho e esforço deram sentido", acrescentou.

fonte:http://www.jn.pt/

publicado por adm às 20:15 | comentar | favorito