Mais de metade não ganha para IRS

O Governo vai introduzir alterações ao IRS que vão penalizar mais a classe média. Para se ter uma ideia do peso que estas famílias têm, do total de IRS liquidado em 2010 - ano dos últimos números oficiais - cerca de 40% do imposto veio destes contribuintes. 

O Estado conseguiu arrecadar 3,2 mil milhões de euros, num ano em que 57% dos agregados familiares não tinham salário bruto que chegasse para lhes ser cobrado IRS, segundo o «Correio da Manhã».

Mais: 86% das famílias que pagaram o imposto sobre os rendimentos em 2010 recebiam menos de 50 mil euros por ano.

Nesse ano, 4,7 milhões de famílias entregaram a declaração de IRS, mas só dois milhões é que pagaram imposto. 

Dois anos depois, com o agravar da crise e da austeridade, pode antecipar-se que sejam ainda menos as famílias com rendimentos suficientes para pagar IRS. 

Com menos escalões de IRS e com a classe média a desaparecer, deverão ser cada vez menos a pagar mais impostos. A redução do número de escalões poderá ter o mesmo efeito da sobretaxa aplicada no ano passado ao subsídio de Natal (3,5% ou o equivalente ao corte de meio salário).

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/e

publicado por adm às 22:56 | comentar | favorito
tags: