Portugueses sorriem menos por causa da crise

Os portugueses "manifestam cada vez mais emoções negativas e inibem o sorriso devido ao contexto de crise", concluiu um investigador do sorriso, através da análise de mais de meio milhão de fotografias.

O diretor do Laboratório de Expressão Facial da Emoção e professor Freitas Magalhães está desde 2003 a analisar fotografias publicadas nos jornais diários portugueses, um projeto que faz parte de uma iniciativa mundial que termina em 2013.

Os resultados da investigação "Uma década de sorrisos em Portugal" indicam que "as mulheres continuam a sorrir mais do que os homens, apesar do registo descendente acentuadíssimo no primeiro semestre deste ano", ao passo que "os homens apresentam mais o sorriso fechado a partir dos 60 anos".

fonte:http://www.destak.pt/ar

publicado por adm às 22:29 | comentar | favorito
tags: