Tempo muito quente e seco até sexta-feira

Nas próximas 48 horas, Portugal vai estar em alerta de incêndio, devido ao tempo quente e seco que se fará sentir, sobretudo no interior.

As temperaturas vão ultrapassar os 35ºC no interior, a humidade relativa do ar será inferior a 20%, o vento do Leste soprará fraco, mas "temporariamente moderado nas terras altas", alerta a Autoridade Nacional de Protecção Civil. 

Face às previsões, a Proteção Civil, em comunicado emitido hoje à tarde,  aconselha:

Principais medidas de auto proteção

 

- Beba água com regularidade ou sumos de fruta natural sem adição de açúcar

- Evite bebidas alcoólicas e com elevados teores de açúcar

- As pessoas que sofram de doença crónica, ou que estejam a fazer uma dieta com pouco sal, ou com restrições de líquidos, devem aconselhar-se junto do seu médico

- Os recém-nascidos, as crianças, as pessoas idosas e as pessoas doentes, podem não sentir, ou não manifestar sede, pelo que estão particularmente vulneráveis, por isso, ofereça-lhes água e esteja atento

- Evite fazer atividades que exijam muito esforço físico, particularmente nos períodos de maior calor

- Se viajar de carro, escolha horas de menor calor. Não permita que pessoas (especialmente crianças e idosos) e/ou animais fiquem dentro da viatura ao sol

- Esteja atento a pessoas mais vulneráveis, especialmente crianças e idosos

 A lei não permite

 

- Realização de queimadas, nem de fogueiras para recreio ou lazer, ou para confeção de alimentos

- Utilização de equipamentos de queima e de combustão destinados à iluminação ou à confeção de alimentos

- Queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração

- O lançamento de balões com mecha acesa ou qualquer outro tipo de foguetes

- Fumar ou fazer lume de qualquer tipo nos espaços florestais e vias que os circundem

- A fumigação ou desinfestação em apiários com fumigadores que não estejam equipados com dispositivos de retenção de faúlhas.


fonte:http://expresso.sapo.pt/t

publicado por adm às 23:07 | comentar | favorito
tags: