Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Noticias do momento

Noticias do momento

25
Mai12

Campanha do Pingo Doce paga pelos produtores

adm

A cadeia de supermercados não comenta, mas Associação Portuguesa de Empresas de Produtos de Marca garante que se confirmam as piores expetativas e que os produtores já estão a pagar as campanhas de mega-desconto das distribuidoras, em particular, do Pingo Doce.

A Centromarca, Associação Portuguesa de Empresas de Produtos de Marca, garantiu à TSF que, ultimamente, a cadeia de supermercados Pingo Doce contactou os produtores para pedir comparticipações em dinheiro que visam pagar as campanhas especiais ou promoções.

O Pingo Doce tenta a renegociação dos contratos com vista ao aumento das margens de 2 a 3,5% na venda final, disse o presidente da Centro Marca, João Paulo Girbal, à TSF, referindo que se trata do pior cenário que se afigurou possível aquando do mega-desconto do 1º de maio e das campanhas que se seguiram.

João Paulo Girbal afirma, no entanto, que o que está a ser pedido a cada produtor pode não ser igual em todos os casos, dado que não é só o Pingo Doce a única cadeia de supermercados envolvida, contudo o responsável não nomeou outros hipers.

«Os temas andam à volta de um aumento de margem pedido pelo distribuidor que variará entre 2 e 3,5% a partir de maio, uma verba que o produtor teria de entregar ao Pingo Doce, uma renegociação de contratos e verbas para reforço de competitividade».

O presidente disse ainda que os produtores têm medo de represálias se não aceitarem as condições propostas pelos supermercados, mas a realidade é que estes não têm condições para aceitar as novas regras dos supermercados.

«A prazo o que nós vemos é um desaparecimento do emprego, do investimentos na produção local e um aumento da importação em determinadas áreas em que nós deixamos de ter capacidade produtiva», concluiu o presidente da associação que representa mais de 50 empresas e 900 produtos de marca.

Questionado pela Agência Financeira, o Pingo Doce não quis prestar qualquer declaração, adiantando apenas que sobre o assunto já tinha sido tudo dito

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Politica de privacidade

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D