ASAE: Pingo Doce terá feito venda com prejuízo

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica terá encontrado indícios de venda com prejuízo na campanha de promoção realizada pelo Pingo Doce no 1.º de Maio. 

Segundo a Antena 1, a ASAE está a recolher provas do ilícito, que dará origem a um processo de contra-ordenação levado a cabo pela Autoridade da Concorrência. Mas a informação avançada pela rádio pública não foi ainda confirmada à Agência Financeira; certo é que um processo desta dimensão obrigará à recolha de prova por todo o país e respeitante a todos os produtos à disposição nas lojas no dia do Trabalhador.

Ontem, à TVI, o diretor-geral do Pingo Doce, desmentiu categoricamente qualquer acusação de ilegalidade, garantindo que não fez nenhuma «venda com prejuízo» e muito menos dumping.

A Antena 1, que cita fonte da investigação, garante que, «das centenas de facturas fiscalizadas, há dezenas de produtos que foram vendidos abaixo de preço de custo», sobretudo, sublinham, arroz, óleo e whisky.

Como a Agência Financeira tinha publicado ontem, a provar-se que as vendas foram realizadas com prejuízo, situação para a qual existem fortes indícios - uma vez que a empresa ofereceu 50% de desconto em compras a partir dos 100 euros -, então o grupo poderá ser punido com uma coima chega aos 15 mil euros por produto (e não por unidade) que seja vendido abaixo do preço.

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/

publicado por adm às 22:14 | comentar | favorito