Mais de 10 mil pessoas perderam o RSI

Mais de 10 mil pessoas perderam o Rendimento Social de Inserção (RSI) no último semestre de 2011, havendo em Dezembro quase 317.500 beneficiários a receberem 90 euros de valor médio, segundo dados do Ministério da Solidariedade e Segurança Social revelados esta terça-feira.

Os dados constam do Boletim Estatístico de Janeiro de 2012 do Gabinete de Estratégia e Planeamento, onde é possível verificar que em Dezembro de 2011 havia 317.478 pessoas que recebiam o RSI, contra os 327.710 beneficiários registados no mês de Julho, o que dá uma diminuição de 10.232 pessoas.

Por distrito, é no Porto que se regista a maior quebra, com uma diminuição de 6.888 beneficiários, logo seguido do distrito de Braga, onde 1.551 pessoas ficaram sem RSI, e de Faro, com menos 805.

Maioria dos beneficiários são mulheres

Em termos de variação percentual, o distrito mais afectado é o de Braga, onde há uma quebra de 8,99 por cento, com menos 1.551 beneficiários a receberem o RSI entre 17.248 registados em Julho, logo seguido de Bragança, onde a diminuição é de 7,32 por cento, havendo em Dezembro 2.063 beneficiários com RSI, menos 163 do que os registados em Julho.

Há também, por outro lado, distritos onde aumenta o número de beneficiários, como é o caso de Beja, que passa de 5.974 em Julho para 6.035 em Dezembro, Lisboa, que aumenta de 63.329 para 63.349, ou Setúbal, que cresce de 23.337 para 23.630.

Segundo os dados do Ministério da Solidariedade e Segurança Social (MSSS), a maioria dos beneficiários são mulheres (166.231, contra 151.247 homens) e têm idade inferior a 18 anos (121.102).

A diminuição é sentida também ao nível das famílias, onde 2.790 perdem o RSI nos últimos seis meses de 2011. Se em Julho havia 121.729 agregados familiares a receberem RSI, em Dezembro esse número baixa para 118.939, com um valor médio de 241,4 euros.

O Porto mantém, ainda assim, o número mais elevado de famílias a receber RSI, com 37.781, logo seguido de Lisboa, com 24.136 agregados familiares com este apoio.

Do total das famílias com RSI, 33.670 não têm rendimentos, 18.334 recebem valor inferior ou igual a 50 euros, 12.888 ganham entre 100 a 200 euros/mês e 13.532 auferem de salário mais de 700 euros.

Olhando para o valor do RSI, 50.479 famílias recebem entre 100 a 200 euros, 5.242 têm um subsídio inferior a 25 euros e 3.707 conseguem um apoio superior a 600 euros.

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/ec

publicado por adm às 22:01 | comentar | favorito
tags: