26
Jun 13
26
Jun 13

Há mais 350 milionários portugueses

A lista dos mais ricos continua a ser liderada pelo empresário Américo Amorim. Consultora Capgemini considera que o aumento do número de milionários se deve ao aumento das poupanças e não inclui a habitação e outros bens como património dos enunciados.


Apesar da crise, o número de milionários em Portugal subiu no último ano. A contagem é da responsabilidade da Consultora Capgemini, que revela um aumento de 3,4% do número de milionários no país.
 
Há agora 10.750 portugueses com mais de um milhão de dólares, mais 350 do que em 2011.

Entre os mais ricos está o empresário Américo Amorim, considerado pela revista "Forbes" o português mais rico do ano, com uma fortuna avaliada em 3,1 mil milhões de euros.

Em segundo lugar está Alexandre Soares dos Santos, dono do Pingo Doce, com 2,3 mil milhões, e em terceiro aparece Belmiro de Azevedo, do Grupo Sonae, com 1,1 mil milhões de euros.

Para contar os milionários, a consultora deixa de lado património como habitação e outros bens, porque é difícil fazer a avaliação e identificação.

Segundo a Capgemini, o aumento do número de milionários deve-se ao aumento das poupanças em percentagem do PIB, mas também aos ganhos nos mercados accionistas. Por exemplo, nos Estados Unidos, as bolsas valorizaram o ano passado 13% e, na Alemanha, as acções subiram 29%.

fonte:http://rr.sapo.pt/info


publicado por adm às 22:22 | comentar | favorito
23
Jun 13
23
Jun 13

Verão chega em força. Termómetro vai chegar os 38 graus em Lisboa

O tempo de Verão tardou, mas parece que chegou agora em força. A semana vai começar muito quente, com as temperaturas máximas a chegar muito perto dos 40 graus em Lisboa e no Alentejo. 

“Estamos a prever uma semana com céu geralmente limpo e o vento a soprar moderado. A temperatura tem tendência para uma subida, principalmente nas regiões do litoral Norte e Centro, podendo chegar aos 36 graus em Lisboa já amanhã [segunda-feira]”, indica à Renascença a meteorologista Paula Leitão, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). 

Na terça-feira, o termómetro deve subir aos 38 graus em Lisboa e aos 39 em Évora. 

O calor “vai manter-se durante uns dias. Só para o fim da semana é que vai haver uma descida da temperatura novamente”, acrescenta a meteorologista.

fonte:http://rr.sapo.pt/i

publicado por adm às 16:21 | comentar | favorito
21
Jun 13

Portugueses pagam leite e ovos acima da média europeia

Em Portugal os lacticínios são mais caros, mas a carne é mais barata.

Os portugueses pagam leite e ovos acima dos preços da média europeia, de acordo com os dados publicados hoje pelo Eurostat sobre os níveis de preços de consumo.

De acordo com o gabinete de estatísticas da União Europeia (UE), os consumidores pagam em Portugal os lacticínios como leite e queijo e ainda ovos mais caros, situando-se nos 105% da média europeia. Por sua vez, a carne é mais barata, ficando nos 75% em relação à média europeia.

Em 2012, A Dinamarca foi o país com os preços de alimentação e bebidas alcoólicas mais elevados - 143% da média europeia -, seguida da Suécia e da Áustria, com 124% e 120%, respectivamente.

Pelo contrário os preços mais baixos registaram-se na Polónia (61%), Bulgária (68%) e Lituânia (77%).

 fonte:http://economico.sapo.pt/

 

publicado por adm às 22:52 | comentar | favorito

A crise também se sente no universo dos automóveis antigos

A crise toca a todos, até aos que mais têm, e o mau momento económico e financeiro do país também se refelcte no universo dos coleccionadores de automóveis antigos.

Gomes da Silva, da direcção do Clube Português de Automóveis Antigos, onde estão certificadas cinco mil viaturas, diz à Renascença que alguns coleccionadores estão, hoje, menos activos, o quem tem resultado no fecho de alguns clubes e oficinas de manutenção de automóveis clássicos.

Ao mesmo tempo, sobem as transações para o exterior, ou seja, há mais carros de colecção a sair do país. A venda (a quem pode comprar) é, muitas vezes, a única solução para algumas viaturas, nomeadamente, as que necessitam de recuperação, porque os proprietários se encontram “desmotivados para a sua restauração”.

Da mesma opinião é José Passos, tesoureiro do clube Gondoclássicos de Portugal, sedeado em Gondomar, que identifica Espanha como o principal comprador de carros antigos.

De acordo com este conhecedor do meio, o fenómeno explica-se com “a lei espanhola, em termos de importação de carros", que coloca menos "entraves em selos e em impostos". No nosso país, "há um entrave muito grande", neste campo.

José Passos também confirma, nestas declarações à Renascença, a existência de uma crise no universo dos carros clássicos, afirmando que os eventos deste ano sofreram uma quebra de 30% em relação a anos anteriores.

Para os amantes dos carros antigos, para os mais e para os menos abastados, o Grande Prémio Histórico do Porto constitui uma oportunidade de se deleitarem com as máquinas de outros tempos, além de ser um espaço de convívio e, eventualmente, de negócio.

Gomes da Silva defende que “tudo o que seja história, tudo o que seja mostrar aquilo que os nossos antepassados tiveram, fizeram, produziram e viveram” é importante, sendo, nesse sentido, o Circuito da Boavista um evento "fundamental"

fonte:http://rr.sapo.pt/in

publicado por adm às 22:30 | comentar | favorito
tags:
21
Jun 13

Falar ao telemóvel em Portugal pode ser considerado um luxo

"Portugueses pagam quase sempre o dobro ou o triplo se formos comparar com os ingleses ou os franceses, que têm os custos mais baixos”, segundo estudo da Deco.

Falar ao telemóvel em Portugal pode ser considerado um luxo se compararmos os tarifários de oito países europeus. Os portugueses são aqueles que têm a factura mais pesada, segundo um estudo da DECO, a que a Renascença teve acesso. 

“Os tarifários mais baratos em Portugal são os mais caros dos oito países que analisámos”, explicaTito Rodrigues, técnico da Deco/Proteste. 

Além dos tarifários foram também analisados preços das comunicações em Espanha, França, Bélgica, Itália, Alemanha, Reino Unido e Holanda. 

Segundo Tito Rodrigues, dos perfis de utilizador analisados – utilizador ocasional, médio e intensivo - “os portugueses pagam quase sempre o dobro ou o triplo se formos comparar com os ingleses ou os franceses, que têm os custos mais baixos”. 

Face a este retrato, a Deco defende a criação de um mercado único de comunicações, com benefício para “todos os consumidores finais dos diferentes países”. 

As conclusões do estudo da Associação para a Defesa dos Consumidores devem chegar esta sexta-feira à Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) e podem ser lidas na edição de Julho da revista Deco/Proteste.

fonte:http://rr.sapo.pt/

publicado por adm às 22:29 | comentar | favorito
19
Jun 13

Temperaturas sobem 11 graus até à próxima semana

A partir do fim de semana, as temperaturas vão subir. A previsão do Instituto do Mar e da Atmosfera aponta para que as temperaturas cheguem aos 30 graus, no Porto, e aos 34, em Lisboa.


O calor chega com o Verão do calendário, segundo a previsão para os próximos dez dias do Instituto do Mar e da Atmosfera, que prevê, ainda, a dissipação da massa de ar frio, proveniente do Norte da Europa, que provocou temperaturas anormalmente baixas.

As temperaturas subirão em todo o território nacional, com especial evidência nas regiões do interior do país.

A partir do próximo sábado, no Porto, os termómetros iniciam a escalada e passam dos 22º, previstos para sábado, para os 30º, seis dias depois.

Em Lisboa, a subida é mais acentuada e a temperaturas subirão dos 23º, de sexta-feira, para 27º, no sábado, para se fixarem nos 34 graus, na quinta-feira.

Em Faro, a temperatura manter-se-à à volta dos 30 graus.

O IPMA prevê para para esta quarta-feira, no continente, períodos de céu muito nublado, diminuindo de nebulosidade na região sul a partir do início da tarde e aguaceiros em geral fracos nas regiões Norte e Centro, em especial até ao final da manhã.

O vento vai soprar fraco a moderado de noroeste, soprando moderado a forte no litoral oeste, em especial durante a tarde, e nas terras altas, prevendo-se ainda uma pequena subida da temperatura máxima na região sul e interior centro.

Na Madeira e nos Açores, a previsão aponta para céu muito nublado e vento fraco.

Quanto às temperaturas, em Lisboa e em Angra do Heroísmo prevê-se uma máxima de 21 graus Celsius, no Porto 19, em Faro 27, Évora e Beja 26, em Castelo Branco 25, no Funchal 24, e em Ponta Delgada e Santa Cruz das Flores 22.

fonte:http://www.jn.pt/P


publicado por adm às 23:26 | comentar | favorito
tags:
19
Jun 13

Electricidade é “25% mais cara em Portugal do que em Espanha”

A acusação chega da Associação Portuguesa dos Industriais Grandes Consumidores de Energia Eléctrica, que não estranha que empresas portuguesas prefiram produzir no país vizinho.


Os grandes consumidores de energia dizem que o preço da electricidade em Portugal continua a ser um factor dissuasor de investimento e garantem que compensa produzir em Espanha. 

“A Siderurgia é uma das empresas nossas associadas e um dos maiores consumidores nacionais de energia eléctrica. Tem fábricas em Espanha, na zona da Galiza, e em Portugal, no Seixal e na Maia, e está a pagar em Portugal energia eléctrica mais do 25% mais cara do que em Espanha”, denuncia à Renascença o presidente da Associação Portuguesa dos Industriais Grandes Consumidores de Energia Eléctrica, José Baptista Pereira. 

“É claríssimo que é preferível produzir em Espanha. Como são fábricas do mesmo grupo, essa transferência de consumo é muito fácil”, conclui, compreendendo a ameaça da Siderurgia de abandonar o país por causa dos custos da electricidade. 

Baptista Pereira contesta ainda o presidente da EDP, António Mexia, que vem garantindo que o preço da energia eléctrica em Portugal é idêntico ao praticado na Europa. 

“O presidente e outros dirigentes da EDP invocam as estatísticas do Eurostat”, mas “as estatísticas dão valores médios e o problema dos valores médios é a história do frango: ou come o frango todo ou não come frango nenhum e todos comem meio frango”, começa por criticar. 

“Mas há outro problema. É que as estatísticas do Eurostat dão o preço por gama de consumo e a gama de consumo dos grandes consumidores de energia eléctrica não é abrangido pelas estatísticas do Eurostat. Não há valores estatísticos para os níveis de consumo das nossas empresas”, lamenta o responsável. 

Os recados chegam no dia em que o secretário de Estado da Energia, Artur Trindade, se desloca ao Parlamento para falar da política energética nacional e do corte de custos no sistema eléctrico nacional.

fonte:http://rr.sapo.pt/i

publicado por adm às 23:08 | comentar | favorito
18
Jun 13

Poupança das famílias volta a bater máximo histórico

O indicador de poupança APFIPP/Universidade Católica subiu de 124,7 pontos em Abril para 125,7 pontos em Maio, renovando o seu máximo histórico.

De acordo com a metodologia deste indicador, o valor registado em Maio significa que a poupança das famílias portuguesas já representa mais de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) português.

O indicador de poupança APFIP/Universidade Católica procura antecipar a evolução da taxa de poupança das famílias portuguesas em percentagem do PIB e resulta da análise ao comportamento de um conjunto alargado de fontes estatísticas.

O indicador de poupança assumiu o valor 100 no último trimestre de 2000, quando a taxa de poupança foi cerca da 8% do PIB.

Assim, cada 12,5 pontos do indicador representam cerca de 1% do PIB. Quando o indicador atinge o valor 125, a poupança das famílias é cerca de 10% do PIB.

 fonte:http://economico.sapo.pt/n

publicado por adm às 20:51 | comentar | favorito

CDU exige reposição do feriado de S. João no Porto

Em causa está uma ordem de serviço do presidente da Câmara, Rui Rio, emitida na semana passada, decretando tolerância de ponto para segunda-feira, dia de S. João e feriado municipal.

A CDU/Porto exigiu esta terça-feira que a Câmara do Porto reponha o feriado municipal de S. João, considerando ser “muito grave” o autarca Rui Rio ter decidido substituí-lo por uma "mera tolerância de ponto". 

Em causa está uma ordem de serviço do presidente da Câmara, Rui Rio, emitida na semana passada, decretando tolerância de ponto para segunda-feira, dia de S. João e feriado municipal. 

A autarquia justificou à Lusa a ordem de serviço com a legislação em vigor (66/2012, de 31 de Dezembro), que faz depender os feriados municipais de decisão expressa do conselho de ministros, afirmando que se não tomasse esta iniciativa “todos os trabalhadores teriam de trabalhar no dia 24 de Junho”. 

Para a CDU, que acusa o presidente da Câmara de ser “mais papista que o papa”, o argumento da autarquia para substituir o feriado pela tolerância de ponto “é falso”. 

Contrapondo, a Câmara do Porto salientou que “registou, com surpresa e estupefacção, a circunstância de a Assembleia da República ter fechado no dia 13 de Junho, contrariando uma lei por si aprovada, tendo sucedido o mesmo com a generalidade dos serviços públicos da administração central da cidade de Lisboa, sem que o dia 13 de Junho tenha sido decretado feriado municipal por quem de direito, o conselho de ministros, e sem que o Governo tenha decretado tolerância de ponto”.

fonte:http://rr.sapo.pt/i

publicado por adm às 20:31 | comentar | favorito
tags:
18
Jun 13

Quinze detidos por suspeita de burla de três milhões à Segurança Social

O inquérito é conduzido pelo Ministério Público de Vila Nova de Gaia e tem como alvo a atribuição ilícita de prestações sociais.

A Polícia Judiciária (PJ) deteve na zona do Grande Porto 15 pessoas suspeitas de estarem envolvidas numa burla à Segurança Social que já ultrapassa os três milhões de euros. Entre os detidos está um funcionário da Segurança Social.

O inquérito é conduzido pelo Ministério Público de Vila Nova de Gaia e tem como alvo a atribuição ilícita de prestações sociais, como subsídios de desemprego e de doença e pensões de reforma.

A PJ diz que o grupo – 11 homens e quatro mulheres, com idades entre os 22 e os 60 anos – usava documentos falsificados e demonstrava conhecimento nos processos de instrução deste tipo de processos.

No inquérito já está identificado um elevado número de beneficiários destas burlas.

fonte:http://rr.sapo.pt/in


publicado por adm às 20:30 | comentar | favorito
tags: