Polémica: produtores de leite denunciam Continente à ASAE

As associações da indústria do leite ANIL e FENALAC acusam o Continente de promover a falência da produção nacional e vão denunciar a empresa por práticas de «dumping» (venda com prejuízo).

O presidente da Associação Nacional dos Industriais dos Lacticínios (ANIL), Pedro Pimentel, disse que a denúncia vai ser formalizada ainda esta quarta-feira junto da ASAE.

Em causa está uma promoção do hipermercado que inclui embalagens de 1,5 litros de leite comercializados a 0,78 euros, sobre o qual recai um desconto de 75 por cento, resultando um preço final de 0,13 euros/Litro.

Continente dá «duro golpe» na produção nacional

«Sendo a matéria-prima de origem não nacional (mais concretamente espanhola) e tendo em conta que o preço médio do leite ao produtor praticado em Portugal e Espanha ronda os 0,33 euros/Litro (2,5 vezes superior ao preço de comercialização do referido leite da marca Continente) é incompreensível que tais práticas sejam livremente permitidas no nosso país», criticam os industriais num comunicado citado pela Lusa.

A ANIL e a FENALAC acusam o Continente de dar «um duro golpe na cadeia de valor nacional», que fica impossibilitada de concorrer com bens comercializados a metade do custo de aquisição da matéria-prima, e salientam a «diferença entre as posições mediáticas de defesa da produção nacional por parte das cadeias de distribuição e a sua prática efectiva».

O sector do leite emprega cerca de cem mil pessoas e gera 2 mil milhões de euros em volume de negócios (1,3 por cento do PIB).

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/

publicado por adm às 20:44 | comentar | favorito