Há 150 chefes da PSP com direito a carro e motorista

Os sindicatos defendem uma limitação na atribuição das viaturas e mais controlo na sua utilização. Direcção nacional refuta críticas e diz que carros só são usados em serviço.

 

Entre 150 e 160 viaturas ligeiras da PSP são utilizadas exclusivamente pelos dirigentes desta força de segurança, muitos com direito a motorista. Os sindicatos entendem que este número é excessivo e querem controlo apertado na sua utilização fora do horário de serviço. A Direcção da PSP acha que está tudo bem.

Trata-se de automóveis ligeiros, descaracterizados - alguns foram 'desviados' das equipas de investigação criminal - maioritariamente das marcas Audi, Skoda, Nissan, Mitsubishi e Ford Mondeo. Não têm controlo de quilometragem, de gastos com portagens ou de consumo de combustível.

fonte:http://www.dinheirovivo.pt/

publicado por adm às 22:12 | comentar | favorito