Confissões de Sónia Brazão

A atriz Sónia Brazão lança esta semana o livro “Não Desisto”, onde em 190 páginas conta não só a tragédia que viveu no início do Verão, mas também episódios marcantes do seu passado.

No passado dia 03 de Junho, o apartamento de Sónia, em Algés, explodiu em virtude de uma acumulação de gás, deixando a atriz com o corpo quase totalmente queimado. 

As investigações concluíram que os quatro bicos a gás do fogão estavam abertos e que o forno também se encontrava ligado, o que colocou de imediato em cima da mesa a hipótese de tentativa de suicídio.

Hoje, na sua primeira presença na televisão desde o sucedido, Sónia foi entrevistada no programa “Você na TV”, conduzido pela dupla Cristina Ferreira e Manuel Luís Goucha, nas manhãs da TVI.

Lavada em lágrimas, Sónia Brazão descreveu numa simples frase o momento em que acordou na Unidade de Queimados do Hospital de S. José e a mãe lhe contou o que tinha acontecido: “Senti-me o resto de mim.” 

Do dia 03 de Junho não tem muitas recordações: “Estava cheia de trabalho com muitos desfiles e nesse dia fiquei em casa para descansar. Arrumei algumas coisas e deitei-me. Quando dei por mim estava toda queimada. Lembro-me de uma dor que é impossível de descrever. Uma dor que crescia. 
Lembro-me de ser puxada para trás por alguém e de ver a imagem do meu pai”, descreveu a atriz. 

Confrontada com declarações pouco amistosas de vizinhos que foram lesados pela explosão, Sónia diz que percebe que se sintam revoltados e que a julguem culpada, mas tem algo a dizer: “Parece que não é a minha vida. Que estão a falar de uma personagem qualquer. É só um carro. É só uma casa. São coisas pequenas”, diz quem teve de reaprender coisas tão simples como respirar e andar.

Sónia Brazão referiu ainda que se mantém a mesma pessoa que era antes do acidente, mas que a perspectiva que tinha das coisas e dos seres humanos mudou muito. 

Neste momento a atriz vive um dia de cada vez e ainda não sabe se regressará à televisão e às novelas: “Atriz, serei sempre. Vou representar nem que seja no palco da esquina”, disse, ainda, Sónia.

fonte:http://fama.sapo.pt/

publicado por adm às 23:03 | comentar | favorito
tags: